Audácia(Fado Antologia)

Mafalda Arnatuh

Letra:Mafalda Arnatuh
Música Mafalda Arnatuh e Marino de Freitas

dá-me um pedacinho mais de coragem
e põe nos meus gestos audácia
diz que sou capaz de ser e fazer melhor
que eu não acredito
que isto seja tudo
e que fique mudo este meu pensar.

tira-me este frágil conforto
que me traz em paz simulada
nada é intocável na vida
que eu prefiro o cruel da verdade
que andar à toa e doer bem mais
descobrir a vida tarde demais

já lá vai o fado escuro
já lá vai o medo em muro
já lá vai não querer dizer o que aí vem
já lá vai não querer saber pra onde vai
já lá vai o não querer ver
que é sem segredo
que damos cabo do medo.

sou um pé de vento contido
procurando a rosa dos ventos
que todos trazemos na alma
eu não sei caminhar sem um norte
quero o como, por onde o porquê também
eu não vivo só entregue à minha sorte.

levanto a poeira das estradas
numa inquietante ansiedade
de quem tem a sede do mundo
e a explosão que acompanha a partida
faz-me crer que lá vai a tristeza
faz-me ter certeza que a noite está vencida

Published in: on November 7, 2010 at 10:08 pm  Leave a Comment  

The URI to TrackBack this entry is: https://waluiv.wordpress.com/2010/11/07/465/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: